“Não me digas não” de Paulinho da Viola e Cristóvão Bastos (partitura disponível no site da Casa do Choro) é um exemplo interessante de como é possível manter a tradição do choro e agregar novos elementos harmônicos e melódicos. Este choro foi gravado no CD Brasileiro Saxofone (Acari Records – 2009 ) do grande músico Nailor Proveta. A versão gravada conta com a participação do compositor Cristóvão Bastos no piano e de Maurício Carrilho no violão de 7 cordas, além do próprio Proveta no saxofone tenor.

Neste choro, que prima pelas modulações harmônicas, saxofone e piano se alternam tocando a melodia de forma bastante improvisada, enquanto o violão mantém a condução rítmico-harmônica. Apesar das modulações as três partes do choro conservam uma estrutura bastante tradicional, sendo a primeira parte em Ré Maior, a segunda em Si Menor (relativa menor) e a terceira parte em Sol Maior (Subdominante).

Os solos acontecem sobre a terceira parte (iniciado em 2:23) com um chorus para cada músico. É possível notar três estilos e abordagens diferentes entre eles. Pra ouvir é só clicar no player do Spotify abaixo ou no link: https://open.spotify.com/track/0QV3e0DqCuTrRpb8pd1rWZ

O primeiro solo, feito pelo saxofone de Proveta, possui uma rítmica bastante variada e um caráter bastante relaxado na execução. As notas escolhidas são em sua maioria diatônicas, com algumas poucas aproximações cromáticas.

Blog1ex1

No segundo solo, Maurício Carrilho utiliza quase que integralmente só notas diatônicas com muitos fragmentos de escala e arpejos dos acordes. O estilo é característico das baixarias utilizadas no acompanhamento pelo violão de 7 cordas, aspectos ressaltado pelo uso da região grave do instrumento.

Blog1ex2

O último a solar é um dos compositores da música, Cristóvão Bastos, que executa ao piano um solo bastante variado e com elementos típicos da improvisação jazzística como o uso recorrente de aproximações cromáticas e a escolha da escala alterada (modo super lócrio) sobre o acorde G7.

Blog1ex3

Clique aqui para acessar a transcrição completa

Categorias: Blog